Tirando o lock de um arquivo no TFVC de um workspace de um desenvolvedor que saiu do time… com Powershell

No post anterior aqui no blog, mostrei como resolver via console o desbloqueio de arquivos depois que um funcionário sai da empresa e sua máquina não está mais inacessível; ou quando alguém sai de férias e deixa arquivos em lock. O cenário é o mesmo, então vou repetir o pedido de consultoria de um amigo meu aqui:

Brandão, um dev foi demitido e deixou vários arquivos de código com lock, a máquina já foi formatada pela Infra e não dá mais para entrar nela para liberar, o que eu faço?

Mas a solução será diferente, console, mas com Powershell.

 

Vamos chamar o desenvolvedor dispensado de John Doe. E quem reportou o problema foi o Brian K., aconteceu o seguinte, quando ele foi fazer o check-out do arquivo para edição:

2016-02-04 02_49_41-Greenshot

Abriu uma janela com duas opções:

2016-02-04 02_46_10-Greenshot

Ele escolheu a primeira e tudo deu certo, o arquivo foi marcado como check out, pois não foi preciso criar locks:

2016-02-04 02_47_04-Source Control Explorer - Microsoft Visual Studio

Aparece o sinal vermelho, como um ‘v’, indicando que está em check out, e portanto só prosseguir com a edição.

Se o Brian tivesse escolhido a segunda opção:

2016-02-04 02_42_46-Greenshot

O arquivo iria ser marcado com lock, para impedir outros usuários de editarem o arquivo, e daí o seguinte erro apareceria:

2016-02-04 02_57_38-Greenshot

No primeiro caso o erro iria acontecer quando fosse feito o check in!

Nada novo, para quem leu o post anterior, certo? Então vamos a solução com Powershell.

Power Tools Cmdlets

O instalador do Power Tools sugere a instalação dos Cmdlets no wizard, se você esqueceu de marcar essa opção modifique a instalação através do Painel de Controle.

Para verificar se os Cmdlets estão instalados, execute o seguinte comando:

Get-PSSnapin –Registered

2016-02-04 21_07_34-Administrator_ Windows PowerShell

Se não aparecer o Microsoft.TeamFoundation.PowerShell registrado, é só adicionar, confira em seguida com o comando anterior:

Add-PSSnapin Microsoft.TeamFoundation.PowerShell

2016-02-04 21_06_36-Select Administrator_ Windows PowerShell

Conectando com o Tfs

Para conectar com o TFS vamos usar o CmdLet Get-TfsServer, são necessários

  • Name: é a URL da Collection
  • Credential: Objeto Credential do Powershell, opcional

O retorno será armazenado em uma variável para usarmos no próximo comando, execute:

$TfsServer = Get-TfsServer -Name http://vsalm:8080/tfs/FabrikamFiberCollection

2016-02-04 21_27_46-Administrator_ Windows PowerShell

Localizando arquivos com lock

Para sabermos todos os arquivos que o John deixou com lock, vamos executar o seguinte comando:

Get-TfsPendingChange -Server $TfsServer –User “vsalm\johnd”

O parâmetro User indica o usuário alvo da busca de objetos pendentes ou com lock.

O retorno do comando mostra apenas os arquivos e seus status, em ChangeType, como “Edit, Lock”.

Retirando o lock do arquivo

Para retirar o lock podemos usar Remove-TfsPendingChange, com os seguintes parâmetros:

  • Item: arquivos para retirar o Lock
  • Workspace: local onde o arquivo está pendente

A informação para os dois parâmetros encontramos no objeto de retorno do comando anterior, para verificar execute o seguinte comando:

Get-TfsPendingChange -Server $TfsServer -User “vsalm\johnd” | fl *

2016-02-04 21_40_06-Select Administrator_ Windows PowerShell

fl é alias de Format-List, que formata a saída colocando uma propriedade por linha. Daí podemos encontrar o que precisamos:

  1. PendingSetName: nome do workspace, atenção, aqui neste exemplo ele tem o mesmo nome da máquina, não é o nome do domínio nesta propriedade
  2. PendingSetOwner: domain\user
  3. ServerItem: Caminho do arquivo no servidor

Infelizmente o CmdLet Remove-TfsPendingChange não aceita essas propriedades via Pipe, “|”, que é uma feature muito interessante do Powershell, que permite encadeamento de CmdLets.

Se você quer aprender mais sobre Powershell, comece por este e-book FREE

Portanto podemos usar o pipe, para iterar a saída dos aquivos com lock, e passamos os parâmetros para o Remove-TfsPendingChange “na mão”, execute:

Get-TfsPendingChange -Server $TfsServer -User "vsalm\johnd" | % { Remove-TfsPendingChange -Item $_.ServerItem -Workspace ($_.PendingSetName + ";" + $_.PendingSetOwner) }

2016-02-04 21_53_12-Administrator_ Windows PowerShell

Problema: o erro retorno quer dizer que o comando não conseguiu localizar o servidor de controle de versão.
Para resolver esse problema podemos inferir essa localização, se o workspace estiver mapeado na máquina em que o comando estiver sendo executado. Execute o mesmo comando, mas agora no diretório do workspace alvo, veja na imagem:

2016-02-04 21_56_00-Administrator_ Windows PowerShell

A mensagem “The operation completed successfully.  Because the workspace VSALM;John Doe is not on this computer, you must perform a separate get operation in that workspace to update it with the changes that have been made on the server.” diz que foi executado, mas como o workspace alvo não está na máquina então é preciso executar novamente um get para atualizar o workspace que estamos.

Para validar é só executar Get-TfsPendingChange:

Get-TfsPendingChange -Server $TfsServer -User “vsalm\johnd”

2016-02-04 22_00_31-Administrator_ Windows PowerShell

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *